Como tirar o passaporte: veja essas 5 dicas!

Como tirar o passaporte:
7 minutos para ler

Fazer uma viagem internacional é um sonho para muita gente! E não é à toa: ter a chance de conhecer novos destinos e experimentar outras culturas são experiências únicas. Mas antes de chegar nessa parte, você deve se antecipar com os preparativos e isso inclui o passaporte — um documento indispensável para quem se aventura fora do Brasil.

Se você faz parte desse time e está com dúvidas sobre como tirar passaporte, fique tranquilo, estou aqui para esclarecer ponto a ponto desse processo! Confira!

1. Preencha a solicitação no site da Polícia Federal

O primeiro passo é preencher a requisição no site da Polícia Federal. Nada complicado, apenas seus dados pessoais, documentos e informações complementares, como sua profissão etc. Atente a cada resposta, mas, se errar, não se preocupe: é possível corrigir: basta avisar antes de ir ao atendimento presencial no posto da Polícia Federal (PF). Eles se encarregarão de fazer a alteração.

Depois disso, o sistema vai gerar um protocolo com o seu pedido e o boleto do Guia de Recolhimento da União (GRU) para pagamento, que hoje custa R$ 257,25. Depois de pagá-lo, você vai poder agendar a visita no próprio site da PF.

Caso tenha pagado o documento e esteja aguardando para marcar o agendamento, saiba que o acesso é liberado apenas no dia seguinte, por causa da compensação bancária. Se perder o GRU, não tem problema. O site oferece a opção de emiti-lo novamente.

2. Agende a visita

O agendamento é simples, basta acessar novamente o site da PF e selecionar a opção “Agendamento de atendimento”. Ao ser redirecionado, preencha os campos com o seu CPF, o número do protocolo que foi informado na etapa anterior e a sua data de nascimento.

Depois disso, o sistema vai informar todos os postos e datas/horários disponíveis para que você faça a marcação. O portal também dá a opção de fazer o agendamento para mais de uma pessoa por vez, por isso, se vai viajar com mais alguém, e sua companhia está no mesmo processo, aproveite essa oportunidade.

3. Separe a documentação necessária

Para dar entrada, você deve levar um documento com foto, que pode ser a identidade (RG), carteira de trabalho (CTPS) ou carteira de habilitação (CNH). Se você já tem um passaporte e sua intenção é atualizá-lo, não esqueça de levar o antigo. Vale lembrar que a validade é de 10 anos para maiores de idade.

Atenção aos casos especiais:

  • se você casou e mudou seu sobrenome, apresente a certidão de casamento;
  • se está com pendências junto à justiça eleitoral (deixou de votar e não justificou, por exemplo) ou com o serviço militar, regularize-as, porque a Polícia Federal faz uma checagem na hora da emissão do passaporte. Em caso de dúvidas, consulte o Tribunal Superior Eleitoral e o Exército.

Portanto, reúna a documentação exigida e regularize as pendências antes mesmo de escolher seu destino, o período da viagem, e comprar passagem ou reservar hotel. Veja o passaporte como ponto de partida, pois é a partir dele que você vai definir todos os detalhes de sua viagem.

5. Compareça à Polícia Federal com todos os seus documentos em mãos

Na data e horário marcados, vá ao posto local da Polícia Federal portando todos os documentos informados aqui. Lá, eles vão tirar uma foto, por isso, não é necessário levá-la. A não ser que sua companhia de viagem seja criança com menos de três anos: nesse caso, é preciso apresentar uma foto 5×7, com fundo branco e recente.

Geralmente eles não pedem o comprovante de pagamento do GRU, mas, por via das dúvidas, leve-o, porque se constar algum erro nos seus dados cadastrais (número do CPF ou data de nascimento, por exemplo), é possível que eles peçam, então, antecipe-se!

O ideal é reservar o dia para resolver o processo tranquilamente, mas o atendimento é rápido. Primeiro, o atendente vai conferir seus dados, depois é o momento de coletar as impressões digitais e tirar a foto e pronto! O documento pode ser retirado em uma semana. Caso esse prazo não seja respeitado, consulte o andamento da solicitação. Na data da retirada, lembre-se de levar um documento original com foto. O passaporte só será entregue a seu titular.

5. Tire todas as suas dúvidas sobre o documento

Mesmo com todas as informações de como tirar o passaporte, algumas dúvidas podem surgir durante esse processo. Reuni algumas respostas para as perguntas que são as mais comuns. Acompanhe!

Posso viajar com o documento prestes a expirar a validade (mesmo voltando antes)?

Alguns países são específicos quanto à validade do passaporte. O Reino Unido, por exemplo, exige que o documento tenha, no mínimo, seis meses da data do retorno. É importante, antes mesmo de viajar ou enquanto escolhe o destino, analisar se o lugar para onde está indo faz esse tipo de exigência.

Se precisar viajar com urgência e não tiver passaporte, como devo proceder?

Se você precisa viajar ao exterior com urgência, mas não tem passaporte (ou é o caso de alguém que vai acompanhá-lo), é possível tirá-lo rapidamente, mas vai custar um pouco a mais e a validade é menor (um ano apenas). A taxa é de R$ 334,42, e o solicitante pode retirá-lo no dia seguinte ao pedido.

No entanto, a Polícia Federal vai avaliar as situações emergenciais, que podem envolver: trabalho, saúde, catástrofes naturais etc. Ou seja, não dá para viajar de última hora sem uma boa razão.

Perdi meu passaporte enquanto estava viajando. Posso fazer outro por lá?

Em caso de roubo, furto ou perda, você pode solicitar um novo passaporte no exterior, desde que antes registre um boletim de ocorrência e alerte as autoridades locais. A diferença no processo é que, por estar fora do país, você deve ir ao consulado do Brasil fazer o pedido.

Quando retornar, depois de ir à delegacia, basta ir ao posto da Polícia Federal mais próximo e emitir um novo documento.

Preciso do passaporte para viajar para a América do Sul?

Em alguns países da América do Sul é permitido o acesso apenas com a carteira de identidade (RG). Mas vale lembrar que esse documento precisa ter sido emitido pelas Secretarias de Segurança Pública. Não são aceitos documento de viagem como a Carteira Nacional de Habilitação (CNH), a Carteira de Trabalho e Previdência Social (CTPS) e as carteiras funcionais.

Confira a lista de países do Mercosul que adotaram essa regra:

  • Argentina;
  • Bolívia;
  • Chile;
  • Colômbia;
  • Equador;
  • Paraguai;
  • Peru;
  • Uruguai;
  • Venezuela.

Viu como tirar passaporte e viajar para o exterior é simples? Basta prestar atenção aos prazos e se planejar para evitar imprevistos. Lembre-se de que o processo depende da disponibilidade dos atendimentos na Polícia Federal e, apesar de ser rápido, também é incerto. Além do passaporte, verifique se o seu local de destino também exige visto, vacinas ou seguro viagem.

Gostou das informações? Então compartilhe este artigo nas suas redes sociais! Ele pode ajudar algum colega que pretende viajar para o exterior e está com as mesmas dúvidas que você.

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-