Conheça os 13 Patrimônios Culturais da Humanidade brasileiros

6 minutos para ler

Entender o passado é algo fundamental para as pessoas. Nele encontramos nossa identidade e nossos ancestrais, ou seja, nossa história. É por isso que a Unesco decidiu, em 1985, lançar uma campanha internacional para proteger o Patrimônio Cultural da Humanidade.

A iniciativa teve como base as solicitações dos governos do Egito e do Sudão que estavam preocupados com a devastação de lugares que tinham valores inestimáveis para a humanidade. “O patrimônio é o legado que recebemos do passado, vivemos no presente e transmitimos às futuras gerações. Nosso patrimônio cultural e natural é fonte insubstituível de vida e inspiração, nossa pedra de toque, nosso ponto de referência, nossa identidade”, explica a Unesco.

Quando um lugar é determinado como Patrimônio da Humanidade significa que, independentemente de onde esteja localizado, ele pertence a todos os povos do planeta Terra.

Você deve ter notado que há uma importância gigantesca destes lugares para a nossa história, certo? Diante disso, o que acha de conhecer os que estão localizados no Brasil? Siga comigo e entenda um pouco mais sobre a história coletiva a que todos nós pertencemos!

Quais são os Patrimônios Culturais da Humanidade no Brasil?

Antes de nos aprofundarmos na história, é interessante destacar que existem diversos tipos de patrimônios, como cultural, natural etc. O cultural, por sua vez, é definido como um conjunto de saberes, expressões, memórias e identidades. Dito isso, vamos ao que interessa!

1. Centro Histórico de Ouro Preto (MG)

O centro histórico foi projetado com uma arquitetura barroca e teve seu planejamento desenvolvido por renomados artistas como Antônio Francisco Lisboa, o Aleijadinho, que tem seu acervo reconhecido como a maior produção do barroco nacional. Além disso, sua criação teve a participação de diversas pessoas escravizadas.

Durante o ciclo do ouro no Brasil, o centro de Ouro Preto foi palco de diversas manifestações culturais. A cidade ainda teve um papel relevante na Inconfidência Mineira, na extração do ouro e nas tradições modernistas. Por tudo isso, em 1938, o Centro Histórico de Ouro Preto foi tombado como Patrimônio Cultural da Humanidade.

2. Centro Histórico de Olinda (PE)

A segunda cidade brasileira declarada como Patrimônio Cultural da Humanidade, Olinda é repleta de construções históricas que nos proporciona um passeio ao passado. Suas igrejas dos séculos XVI e XVII, além de apresentarem uma arquitetura única, contam com um acervo importante para entender o passado.

3. Ruínas de São Miguel das Missões (RS)

Entre os séculos XVII e XVIII, os padres jesuítas invadiram o território dos indígenas guaranis. Nesta época, eles desenvolveram as ruínas visando catequizar os guaranis antes da chegada dos portugueses. As ruínas são um conjunto arquitetônico e apresentam a história das missões jesuítas no Brasil.

4. Brasília (DF)

Brasília é uma cidade projetada. Alguns dizem que tem formato de avião, outros de borboleta. A verdade é que seu formato não importa tanto assim. O que realmente a destaca é que Brasília foi considerada um divisor de águas na arquitetura e no urbanismo moderno. Seu legado é tão importante que ela se tornou, em 1987, Patrimônio Cultural da Humanidade.

5. Centro Histórico de São Luís do Maranhão (MA)

Colonizada por franceses, ocupada por holandeses e, em seguida, morada de portugueses. O Centro Histórico de São Luís do Maranhão consegue apresentar a miscigenação da época colonial. Sua arquitetura, inclusive, leva os visitantes para a época. Por conta do seu legado, se tornou merecidamente um patrimônio importante para todos os povos.

6. Pampulha em Belo Horizonte (MG)

Projetado para ser o bairro mais bonito do Brasil, Pampulha foi desenhado por Oscar Niemeyer e teve projeto de Lúcio Costa. O sonho de construir o bairro mais bonito do país foi de Juscelino Kubitschek, que na época era prefeito de Belo Horizonte.

É provável que o sonho de JK tenha sido concluído com sucesso. Afinal, o bairro encanta todos os visitantes por sua arte, sua natureza e sua urbanização, que se mesclam de forma harmoniosa.

7. Centro Histórico de Goiás (GO)

Conhecida pelos íntimos como Goiás Velha, a cidade foi construída tendo em vista o respeito à geografia local. Sua estrutura conta com elementos europeus que se misturam com a cultura local, o que dá um charme único. Suas ruazinhas repletas de casas e cores fazem com que o visitante se sinta dentro de uma cena de filme.

8. Centro Histórico de Diamantina (MG)

Antigamente, as montanhas da Chapada eram repletas de diamantes. Atualmente, suas belezas únicas encantam a todos. Suas construções simples e que remetem ao estilo barroco oferecem um charme muito especial à região. Além disso, tudo é perfeitamente harmônico com a natureza.

9. Parque Nacional Serra da Capivara (PI)

Suas pinturas rupestres e cavernas rochosas fazem com que o parque se torne um lugar de valor inestimável para entender a história da humanidade. Segundo especialistas, há pinturas que foram criadas há 25 mil anos. Elas relatam lendas dos povos e também seus costumes.

10. Santuário de Bom Jesus de Matosinhos em Congonhas (MG)

Todo o interior do Santuário de Bom Jesus de Matosinhos teve como inspiração o estilo rococó italiano. Constituído por sete capelas, o local é decorado com diversas estátuas de santos que foram esculpidas em pedra-sabão.

11. Centro Histórico de Salvador (BA)

O colorido, o ritmo cativante e sua arquitetura renascentista fazem do Centro Histórico de Salvador (primeira capital do Brasil) um lugar que a humanidade deve preservar. Ali se encontra muito da história de nosso país e também do nosso povo.

12. Praça São Francisco em São Cristóvão (SE)

Os Franciscanos foram uma ordem religiosa que colonizou boa parte do nordeste brasileiro. A praça São Francisco representa muito dessa história e por isso foi considerada patrimônio.

13. Atrativos naturais do Rio de Janeiro (RJ)

Os mares e montanhas, que caracterizam o Rio de Janeiro, foram capazes não só de despertar o imaginário dos gringos em conhecer o Rio de Janeiro, mas também de fazer com que a Unesco os decretasse como patrimônios culturais.

Como pode ser observado, todo Patrimônio Cultural da Humanidade representa um importante acervo para que as próximas gerações tenham conhecimentos sobre suas histórias e sobre suas identidades. Eles permitem experiências culturais enriquecedoras. Diante disso, é fundamental que possamos valorizá-los, e uma maneira simples de fazer isso é visitar esses lugares.

Gostou das informações que trouxe aqui? Aproveite e curta a nossa página no Facebook e não perca nenhum conteúdo novo!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.