Como organizar um roteiro em Fortaleza? Conheça nossas dicas!

6 minutos para ler

Quando se fala em viajar pelo Nordeste, é difícil não lembrar logo de cara de algumas cidades que são bastante conhecidas e visitadas na região, como é o caso da capital cearense, não é mesmo? Afinal, em 2018, por exemplo, ela figurou entre os destinos mais buscados no país para viagens nacionais, segundo informe oficial da prefeitura do município. Portanto, se você está planejando conhecer a cidade, fique atento a este post, pois eu reuni diversas sugestões para você montar o melhor roteiro em Fortaleza.

Acompanhe até o fim para se inspirar nelas e, de quebra, conferir informações importantes sobre a região e algumas ótimas opções de hospedagens locais que vão fazer a sua estadia ainda mais marcante!

Faça o seu roteiro em Fortaleza com as nossas dicas

Para criar um roteiro de viagem capaz de proporcionar uma experiência completa em Fortaleza é importante diversificar não só as atividades que você fará, como também os locais que vai conhecer e os estabelecimentos que frequentará.

Assim, você tem a oportunidade de ir além dos pontos turísticos mais visados da cidade e dos municípios próximos, sabe? Podendo ter contato com a cultura da região, a culinária local e os espaços que são ocupados pelos moradores da capital no dia a dia. Por isso, você confere abaixo o que não pode faltar no seu roteiro. Veja:

  • restaurantes referência no cenário gastronômico: O Mar Menino, Casa Mansa, Culinária da Van e Casa Patuá;
  • centros de arte, cinema e cultura: Centro Dragão do Mar, Caixa Cultural, Centro Cultural Belchior, Museu da Cachaça, Theatro José de Alencar e Cineteatro São Luiz;
  • parques aquáticos, de aventura e ecológicos: Beach Park, iPark e EcoPoint;
  • praças e parques: Praça Portugal, Praça das Flores, Parque do Cocó, Parque da Liberdade e Parque Adahil Barreto;
  • casas noturnas: Austin Pub, Living, Astrologic Club, Mambembe e Órbita Bar;
  • praias fortalezenses: Praia de Iracema, Beira-Mar, Mucuripe e Praia do Futuro;
  • litoral no entorno de Fortaleza e nos municípios próximos: Canoa Quebrada, Jericoacoara, Cumbuco e Porto das Dunas;

Informações importantes antes de fazer as malas

Agora que você já tem ideia do que incluir no seu roteiro em Fortaleza, veja alguns pontos importantes para ter uma viagem tranquila e proveitosa na região!

Quando ir para Fortaleza

Se você planeja viajar para Fortaleza durante o verão para aproveitar ao máximo essa estação, tenho uma informação importante para lhe dar: apesar de ser um cidade quente e com clima praiano durante boa parte do ano, o verão na região é chuvoso. Sim, isso mesmo que você leu.

Janeiro, fevereiro e março costumam ser marcados por chuvas frequentes — e muitas vezes para lá de fortes — não só na capital cearense, mas em vários municípios turísticos do interior (como Jericoacoara, Guaramiranga, Canoa Quebrada etc.). Há dias, por exemplo, que ora faz sol, ora chove.

Ou seja, é importante estar preparado para esse cenário, pois você pode ter que alterar o seu roteiro algumas vezes durante a sua estadia. Agora, se você quer visitar a cidade sem ter que lidar com mudanças climáticas frequentes, uma boa sugestão é ir para lá entre abril e dezembro quando o sol reina sem empecilhos no céu.

Meios de transporte

Você pode embarcar para Fortaleza de diversas maneiras: ônibus, carro e avião. No entanto, a mais prática e rápida é, sem dúvidas, por meio de uma companhia aérea — e isso vale tanto para quem parte de alguma cidade do Nordeste quanto para quem viaja de regiões mais distantes, como o Sul e o Sudeste.

Afinal, o tempo de deslocamento é, disparado, o menor. Para se ter ideia, de Recife para Fortaleza, o voo direto dura, em média, uma hora e vinte minutos. Já de São Paulo para Fortaleza, o trajeto fica em torno de três horas e meia.

Quanto tempo ficar

A duração da sua estadia vai depender diretamente dos locais que você planeja conhecer. Por exemplo, se os seus planos se resumem a visitar apenas a capital cearense e os pontos turísticos que ela tem, cerca de três dias é o suficiente. Porém, a situação muda quando você inclui as atrações que ficam no entorno de Fortaleza.

Isso porque você tem que programar não só as atividades que fará nesses lugares, mas também o tempo de deslocamento até eles — que, geralmente, é feito de carro ou transfer particular. Logo, se esse for o seu caso, o recomendado é reservar uma semana da sua agenda para aproveitar o que o Ceará tem a oferece com calma e tranquilidade!

Preparação da bagagem

As temperaturas em Fortaleza, mesmo em período de chuva, não sofrem grandes quedas. Em média, a mínima fica em torno de 24º e a máxima por volta de 36º. Por isso, o ideal é preparar uma bagagem com roupas leves e que facilitem a transpiração e a movimentação dos braços e pernas, especialmente se você fará muitos programas ao ar livre.

Lembre-se que você deve estar confortável para caminhar e aguentar o calor sem contratempos, certo? Uma dica extra é usar e abusar dos acessórios, como óculos de sol, bonés, chapéus e viseiras. Elas serão bastante úteis!

Onde se hospedar na cidade cearense

“Já sei o que fazer em Fortaleza e já estou preparado para viajar para a cidade. Porém, onde posso me hospedar?”, você deve estar se perguntando — e com toda a razão. Afinal, eu e você sabemos que a hospedagem pode fazer toda a diferença nas nossas férias, tornando nossa estadia mais tranquila, segura, confortável e prazerosa. Por isso, reuni algumas opções de hotéis que são parceiros do Clube Montreal. Confira quais são eles:

  • Mareiro Hotel: que, além de contar com diversas comodidades (como centro de ginástica, sauna, bar piscina etc.), fica à beira-mar no Meireles, num dos bairros mais conceituados e seguros de Fortaleza;
  • Carmel Express Hotel: que se destaca pela decoração praiana e está no bairro Praia de Iracema, onde se concentra a vida noturna da capital (com bares, pubs, boates, restaurantes etc.);
  • Hotel Praia Centro: que traz comodidades diferenciadas (como piscina na cobertura, coffee shop e american bar) e ainda é localizado no Centro, no coração da cidade;
  • Hotel Gran Marquise: que é um dos hotéis mais conceituados e tradicionais da cidade, localizado no Mucuripe — bairro onde está o famoso Mercado dos Peixes.

Como mostrado, montar um bom roteiro em Fortaleza pode ser mais fácil do que se imagina se você sai do óbvio e sabe diversificar os programas e locais que quer fazer e/ou conhecer. Por isso, siga as minhas dicas e aproveite a capital cearense ao máximo!

Gostou do tema do artigo? Então entre em contato com a gente para ficar por dentro de como um clube de hospedagem pode ser útil na sua próxima viagem!

Powered by Rock Convert
Posts relacionados

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.