Viajar de carro ou de avião: o que vale mais a pena?

6 minutos para ler

Muitas dúvidas começam a surgir quando estamos planejando uma viagem, não é mesmo? No meio de tantas, uma das primeiras questões é qual o meio de transporte mais adequado para o seu passeio. Algumas pessoas preferem a agilidade do avião, outras a comodidade do carro. Na verdade, há várias considerações a serem feitas antes de bater o martelo.

E é por isso que, neste post, vou mostrar a você quais as principais diferenças entre viajar de carro ou avião, qual a melhor opção para cada tipo de roteiro e ainda destacar a importância de se fazer um planejamento prévio da sua viagem. Boa leitura!

O que avaliar?

Tempo de deslocamento

Há pessoas que não gostam, não podem ou simplesmente não querem perder muito tempo em deslocamento por várias razões, como por não ter muito tempo disponível ou querer aproveitar o máximo do local. Se você se inclui nesse grupo, o avião é com certeza a melhor maneira de se viajar. A sua velocidade faz com que uma viagem de longa distância, que duraria muito tempo para ser feita, demore apenas algumas horas.

Mas se você não tem essa preocupação e, como eu, gosta mesmo é de aproveitar as paradas, admirar as paisagens e até visitar uma cidade ou outra ao longo do trajeto, ponha o pé na estrada, ou melhor, o carro! Além disso, essa é uma ótima opção para você que quer se deslocar facilmente quando chegar ao seu destino, sem se preocupar com transportes públicos ou táxi e uber.

Custos

Os valores para viajar de carro ou avião podem variar muito, ou não. Tudo depende da época em que você vai viajar e se comprou as passagens com antecedência ou em promoção. Mas supondo que você ainda tem um tempo até chegar a data, dê uma olhada nos valores e calcule todos os gastos. Ah, lembre-se de colocar no papel os custos de bagagem extra (caso necessário), taxas da companhia e custos de traslado do aeroporto até sua estadia.

Já de carro, é muito importante que você calcule quanto de gasolina o seu carro consome por quilometragem percorrida, mas lembre-se que os preços do combustível podem variar muito de uma cidade para a outra. Veja também se no trajeto haverá pedágio, se o carro precisa de alguma revisão e faça uma média de quanto gastaria nas paradas e, principalmente, faça o levantamento de valor de estadias, caso você pernoite no meio do caminho.

Número de viajantes

Se você viaja com a família ou amigos e vocês costumam dividir as despesas, viajar de carro com certeza é uma opção mais barata, já que você pode dividir igualmente a maioria dos gastos, como gasolina e pedágios. Mas se você viajar sozinho, o avião pode ser mais econômico. Caso dinheiro seja um fator determinante, analise bem esse parágrafo e o anterior.

Bagagem

Hoje, as companhias aéreas podem cobrar do viajante o valor que quiserem pelo despacho de bagagem. Ou seja, o passageiro tem direito a apenas uma mala de mão com no máximo 10 kg. Se ele quiser levar mais que isso, deverá desembolsar uma grana maior, regra que virou um pesadelo para os passageiros!

Por isso, este é um fator que também influencia muitas pessoas na hora de decidir se é melhor viajar de carro ou avião, uma vez que de carro você tem a comodidade de colocar quantas malas couber no porta-malas sem pagar nada a mais por isso.

Ou seja, se você é prático e viaja com pouca coisa, que de preferência caiba em uma mala de mão, você não terá um custo a mais por isso e, portanto, avião não será um problema para você. Mas, se você é do tipo que não economiza na escolha das roupas e gosta mesmo é de levar o guarda-roupa inteiro, viajar de carro faz mais sentido.

Segurança

Apesar de muitas pessoas terem medo de viajar de avião, é inegável que os acidentes aéreos são bem menores em número que os acidentes em estradas. Infelizmente a situação das rodovias no Brasil, em sua maioria, é precária — fato que pode ser perigoso para motoristas inexperientes, por exemplo. Além disso, você deve sempre contar com imprevistos, como um pneu furado, acidentes ou trânsito.

Imprevistos

E por falar em imprevistos, é muito que importante que você se lembre que em qualquer meio de transporte eles podem ocorrer. Em viagem de avião, o voo pode atrasar ou ser cancelado, sua mala pode extraviar — como aconteceu comigo — e você ficar sem seus pertences pessoais por um dia ou mais. Para evitar dor de cabeça, saiba os seus direitos e leia antes as opções de seguro que a companhia aérea fornece a você.

Já no carro, pode acontecer algum problema no motor, um pneu pode furar e você pode ficar algum tempo parado na estrada. Por isso não se esqueça de fazer a revisão do automóvel, certificar de que os cintos de segurança estão funcionando, fazer o alinhamento/balanceamento, ver se o óleo está em dia, se os pneus estão em bom estado e tenha sempre um step novo.

Prós e Contras

  • Viagem de carro: ótimo para distâncias curtas, para quem quer conhecer outros lugares ao longo do trajeto, viajar em grupo, para quem tem muitas coisas para levar, para quem pode gastar muito tempo de viagem e é experiente na estrada.
  • Viagem de avião: grandes distâncias, para quem prefere chegar rápido ao destino, viajar sozinho e com poucas coisas e tem receio dos perigos da estrada.

Como planejar a viagem?

O melhor meio de evitar surpresas desagradáveis em uma viagem, é planejar! Quando você se organiza com antecedência, a chance de as coisas saírem como planejado é muito maior. Portanto, faça uma check list de tudo o que precisa ser considerado e feito, como: o meio de transporte, o roteiro, a hospedagem, os custos, os passeios, a documentação etc. Leia dicas de pessoas que foram para o lugar que você deseja ir. E anote tudo.

Gostou das dicas e achou que consegui ajudá-lo na difícil tarefa entre decidir se é melhor viajar de carro ou avião? Então, deixe a sua opinião nos comentários e me conte qual decisão você tomou!

Powered by Rock Convert
Você também pode gostar

1 comentário em “Viajar de carro ou de avião: o que vale mais a pena?

  1. boa noite nunca fiz está viagem… sempre viagem com minha familia e amigos de carro ,mais lugares perto como praia bem no meu entender ,seria muito melhor
    de avião porque não ira gastar com pédagio ou qualquer outro problema que over ,agora o avião e so pagar passagem de ida volta sem outros problemas então minha dica avião.

Deixe uma resposta

-